Sobre nós

PANAO: em prol da sustentabilidade

O suco de laranja, ao lado do de maçã, é o suco de fruta preferido na Alemanha. Em 2018 e 2019 ele chegou a ocupar o primeiro lugar com um consumo de 7,2 a 7,4 litros por pessoa. O Brasil é o maior exportador de suco de laranja para a Alemanha e a União Europeia. Infelizmente, sua produção no Brasil está muitas vezes associada a problemas sociais, ecológicos e econômicos. Problemas que chegam do país sul-americano às prateleiras dos supermercados alemães e europeus.

Unidos por um objetivo comum

A Parceria Suco de Laranja Sustentável (PANAO) tem como meta enfrentar estes desafios. Por isso, os atores alemães e brasileiros do setor privado, da sociedade civil, dos sindicatos e do setor público estão unindo forças para promover a justiça social, a segurança no trabalho e a proteção ambiental na produção de suco de laranja no Brasil.

Afinal, condições de vida e de trabalho dignas para trabalhadores e pequenos e médios agricultores, bem como medidas para proteger o meio ambiente não podem ser alcançadas com soluções isoladas. Todos os participantes ao longo da cadeia de fornecimento devem trabalhar em conjunto para garantir que o suco de laranja produzido de forma sustentável se torne norma.

A PANAO fornece a estrutura para a ação coordenada dos atores no Brasil, na Alemanha e na União Europeia, reúne conhecimentos e recursos e promove o diálogo entre esse atores. Com isso, a PANAO segue a máxima de que somente uma cooperação igualitária promoverá o resultado necessário.

Ações concretas

Ações concretas para um mercado de suco de laranja sustentável

Uma meta importante da implementação de condições de trabalho e de vida dignas é oferecer aos trabalhadores e produtores de laranja uma renda ou remuneração suficientes para a subsistência das famílias. Com isso em mente, a PANAO está desenvolvendo abordagens que estão agrupadas em quatro campos de ação.

  • Práticas de aquisição sustentáveis

    • Uma análise da cadeia de fornecimento do suco de laranja identificará as ações necessárias trazendo a ela mais transparência.

    • Os membros desenvolverão um conceito para práticas de aquisição sustentável por parte dos engarrafadores e supermercados.

  • Condições de trabalho dignas

    • As condições reais de trabalho e os patamares salariais atuais serão registrados. As possibilidades de melhoria e os valores-alvo serão definidos.

    • As remunerações e rendas, que garantam a subsistência, serão determinadas e a discrepância em relação às remunerações e rendas atuais será calculada.

    • Em iniciativas-piloto selecionadas, os parceiros desenvolverão e implementarão medidas específicas de melhoria.

  • Forte representação dos/as trabalhadores/as

    • Trabalhadores/as e seus representantes no Brasil continuam sendo fortalecidos.

    • A PANAO promove o diálogo social de forma a apoiar o fortalecimento dos processos de negociação entre empregados e empregadores.

  • Ambiente institucional

    • O ambiente institucional será melhorado tanto no Brasil como nos países consumidores.

    • A PANAO conduz o diálogo com parceiros alemães, europeus e brasileiros influenciando, assim, os desenvolvimentos políticos.

Impressões